"Chapa: Um Agente de Interface para Ferramentas de Bate-papo em Ambientes de Ensino à Distância na Web"

Dissertação de Mestrado, Unicamp 2003.

Autores:   Ricardo Luis Lachi

Dissertação (pdf)

Apresentação

Resumo

     A educação à distância se caracteriza pelo não existência, parcial ou total, do elemento ‘presencial’ na relação de aprendizagem professor-aluno. Isto é, o professor e aluno encontram-se em localidades distintas (fora de uma sala de aula) e necessitam do uso de um canal de comunicação para mediar a interação.

     Nos últimos anos, a educação à distância, via ambientes que utilizam a Internet como meio de comunicação, tem aumentado significativamente. Esses ambientes caracterizam-se por disponibilizar inúmeras ferramentas que dão suporte ao processo de comunicação via rede (ferramentas de bate-papo, correio eletrônico, grupos de discussão). Na literatura, existem inúmeros artigos que relatam o enorme volume de trabalho necessário por parte de um professor de um curso à distância para poder acompanhar adequadamente o desenvolvimento dos alunos.

     Com o intuito de auxiliar o professor nessa tarefa de acompanhar o desenvolvimento dos alunos de um curso à distância foi desenvolvido o agente de interface Chapa descrito em detalhes nesta dissertação.

     O foco do Chapa é ajudar na análise das contribuições dos participantes de uma sessão de bate-papo ocorrida no ambiente de Educação à Distância TelEduc. Nesse sentido, o Chapa é capaz de selecionar quais as mensagens mais interessantes a um determinado usuário permitindo a este analisar somente uma fração do número total de mensagens existentes em uma sessão. Essa seleção é feita com base em um dicionário de dados específico, que constrói para cada usuário, por meio das técnicas de aprendizagem inerentes ao conceito de agentes de interface.

     Neste trabalho, já são apresentados alguns testes preliminares feitos com o Chapa por um grupo de usuários. No entanto, mesmo tendo sido bastante positivos os resultados desses testes iniciais, ainda é necessária a realização de outros mais, em situações reais de um curso à distância, para se validar melhor o Chapa.<\p>

Abstract

     Distance education is characterized by the partial or total absence of the "presential" element in the teacher-student relationship, that is, teacher and student are far from each other and need to use a communication channel to mediate the interaction.

     In the last few years, distance education based on environments that use Internet as a communication channel has grown larger and larger. These environments make available many tools that support communication through the Internet (for example: chat, e-mail, newsgroup). In the literature, many articles relate the large amount of work needed by the teacher of a distance course to accompany properly the development of the students.

     In order to help the teacher with the task of accompanying the development of the students in a distance course we developed the interface agent Chapa, described in details in this dissertation.

     Chapa’s focus is on helping the analysis of participants’ contributions to a chat session that took place in TelEduc, a supporting environment for distance education. In order to do that, it is capable of selecting which messages are more interesting to one user, allowing him to analyze only a fraction of the total number of messages that exist in a session. It is able to do this selection based on a specific data dictionary which is built for each user by means of learning techniques inherent to the technology of interface agents.

     In this work, some preliminary tests were done with Chapa. However, even though the results were very positives, it is still necessary to realize more tests in real world courses in order to better proof Chapa’s effectiveness.